ADO.NET – Roteiro básico e Boas Práticas por Macoratti.net

Boa noite pessoal!

Tudo bem com vocês?
Espero que sim!

Hoje venho compartilhar com vocês um artigo sobre ADO.net que li no site do Grande mestre e lendário Macoratti! =)

Sem dúvida é muito bom e vale – pena vocês conhecerem!

Chega de conversa e vamos lá!

Afinal o que é ADO.NET e o que ela tem a ver com o Visual Basic ?

ADO.NET é um conjunto de assemblies que fazem parte da .NET Framework e que permitem a comunicação com os bancos de dados realizando operações de leitura e atualização.

Para realizar esta tarefa a ADO.NET tem vários ‘Clientes’ de fonte de dados os quais se encontram no espaço de nomes – namespace – System.Data. Assim temos:

  • System.Data.SqlClient – permite o acesso ao banco de dados SQL Server 7.0 ou superior;
  • System.Data.OleDb – permite o acesso a qualquer outra fonte de dados exceto(não recomendado) para o SQL Server 7.0 ou superior;
  • System.Data.Oracle – permite o acesso ao banco de dados Oracle.

Quais são os componentes básicos da ADO.NET ?

    


Nota: Para simplificar listei somente os componentes do SqlClient e OleDb

Note que temos um componente SqlConnection e OleDbConnection em ambos os clientes para a conexão, um componente SqlCommand e OleDbCommand para o objeto Command e assim por diante.

Qual o componente mais importante do ADO.NET ?

Na verdade todos os componentes são importantes pois estão inter-relacionados e funcionam em harmonia para atingir um objetivo.

Dentre eles o componente que deve ser usado em primeiro lugar é o objeto XXXConnection pois a primeira coisa que devemos fazer antes de qualquer outra atividade é efetuar a conexão com a fonte de dados.

O que significa criar uma conexão com uma fonte de dados ?

Criar uma conexão com uma fonte de dados significa usar o componente apropriado e fornecer informações ao componente para que ele possa encontrar a base de dados e poder acessar informações a partir dela.

Como exemplo, vamos supor que você deseja criar uma conexão com um banco de dados SQL Server que esta instalado na sua máquina local e acessar o banco de dados Northwind. Neste caso você deve informar o seguinte:

  • Usar o provedor de dados SQL Server .NET Data Provider do namespace System.Data.SqlClient
  • O nome do servidor onde esta a base de dados
  • O nome da base de dados
  • O nome do usuário e a senha

Nota: O namespace System.Data.SqlClient deverá ser declarado via imports no início do código.

Como exemplo de conexão deste acesso temos o seguinte código:


O que são adaptadores e como funcionam ?

Os adaptadores(objeto DataAdapter) estão encarregados de chamar os comandos de leitura, atualização, inclusão e exclusão de informações em uma fonte de dados.

Com base nesta informação chegamos a conclusão que cada Adaptar deverá ter:

  • Uma conexão para saber de onde irá acessar os dados
  • Um comando Select : para saber quais dados acessar
  • Um comando Insert : para saber quais dados incluir
  • Um comando Update : para saber quais dados por atualizar
  • Um comando Delete : para saber quais dados pode excluir

Ficou empolgado para continuar a leitura??

Então não perca tempo e acesso o artigo completo clicando aqui!

Espero que tenham gostado!!

Grande abraço!

Caio Malheiros

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s